/body Escritora Marcia Dantas: #52filmsbywomen: Mrs. Dalloway

30 de jul de 2017

#52filmsbywomen: Mrs. Dalloway


Título: Mrs. Dalloway (A última festa no Brasil)
Ano: 1997
Direção: Marleen Gorris

Ler Virginia Woolf não é nada fácil. Estamos falando de uma escritora que inovou em muitos aspectos, desde a utilização de recursos narrativos complexos até a habilidade de trazer uma série de temáticas amplas para suas histórias. Tive a oportunidade de ler dois livros dela esse ano, e minha admiração cresce a cada contato que consigo ter com a obra dela.

Mrs. Dalloway usa a técnica de fluxo de consciência e, como disse em meu apanhado dos livros lidos até o meio desse ano, sei que precisarei de mais algumas leituras para poder captar todas as nuances exploradas por ela. Então, que quando fui ver o longa de 1997, me vi esperando um resultado bem longe do que deveria ser, pela complexidade da obra original. E acho que isso auxiliou muito no meu agrado com o filme. 

Claro que fica muito difícil dizer que o longa abraça todas as nuances do livro. Mas a roteirista Eilleen Atikins fez ótimas escolhas no que traria para o audiovisual. Ela teve muitos acertos em entender a protagonista Clarissa Dalloway dentro de todos os seus conflitos e complexidades, traduzindo muitas delas para a tela e nos trazendo a mergulhar nisso tudo. A alternância entre presente e futuro também colaborou demais para esse entendimento, com flashbacks usados no momento certo. 

Outros acertos no roteiro também vieram pela forma como exploraram depressão, suicídio, o processo de envelhecimento e o clima do pós guerra que marcam vários aspectos de Mrs. Dalloway. Não ignorar esses pontos é enriquecer o filme. 

Mrs. Dalloway também não ignorou o envolvimento das personagens Clarissa e Sally e nem se privaram de mostrar o beijo delas, que é tão marcante no livro. Feliz de ver essa coragem na tela. 

Tudo isso em uma direção de arte, de câmera e com um elenco apaixonantes (o que dizer do sorriso que a atuação de Vanessa Redgrave trouxe aos meus lábios a cada cena?). 

Enfim, Mrs. Dalloway está mais do que recomendado. Gostaria de sugerir uma leitura do livro antes de ver o filme, para uma experiência ainda mais engrandecedora. 

0 comentários:

Postar um comentário

Obrigada pela visita e volte sempre! Seu comentário é sempre importante e bem vindo.

Lembre-se que você é livre para se expressar, desde que com respeito e sempre respeitando o espaço das outras pessoas.

Comentários racistas, misóginos, lgbtfóbicos ou que incitem ódio e/ou violência serão excluídos.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...