/body Escritora Marcia Dantas: [Projeto] Doze Cartas: Junho/2016

6 de nov de 2016

[Projeto] Doze Cartas: Junho/2016


Hora de mais uma cartinha do projeto, agora referente ao mês de junho.

O tema é: uma carta para a infância.


Querida infância,


Sinto falta do véu com o qual me protegia, escondendo-me todo o mal e dor que há por aí. 

Quando eu era criança e estava debaixo de seus braços, achava que o mundo era feito apenas de sonhos coloridos. Podia desejar, sorrir e brincar com as estrelas que povoavam meus pensamentos. Sorria diante de tudo e, mesmo meus medos pareciam se dissolver diante de meus olhos. 

Conforme fui crescendo, percebi que o véu ia se enfraquecendo. Que, a cada ano que passava, mais coisas eu podia ver. E essas coisas não eram tão alegres quanto eu pensei. 

Um belo dia percebi que você não estava mais ao meu lado. 

Entendo bem que não poderia ter sua companha para sempre. A inocência é sua companheira e, no dia em que ela vai embora, não olha para trás, e a leva com você. E é bem nesse momento em que preciso encarar de vez o mundo, conhecendo-o do jeito que ele é e tentando diminuir o mal com todo o colorido que você me mostrou nos meus dias mais tenros. E não tenha dúvida que agradeço pelas lembranças feitas ao seu lado.

Mas há aqueles dias em que tudo parece triste demais, feio demais, assustador demais. E é quando sinto saudades dos dias em que estava aqui ao meu lado, floreando meus dias. 

Só queria dizer que você foi importante e que não esqueço aqueles dias. Obrigada pela companhia e que seu sorriso acompanhe a outras crianças até quando for possível. 

Obrigada por tudo,

Marcia Dantas.

0 comentários:

Postar um comentário

Obrigada pela visita e volte sempre! Seu comentário é sempre importante e bem vindo.

Lembre-se que você é livre para se expressar, desde que com respeito e sempre respeitando o espaço das outras pessoas.

Comentários racistas, misóginos, lgbtfóbicos ou que incitem ódio e/ou violência serão excluídos.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...